Tipos de arroz

9/11/2019

 

  1. ARROZ POLIDO: Também conhecido como arroz branco, este é o mais tradicional e preferido dos brasileiros. Porém, durante o processo de industrialização, este tipo de arroz perde algumas de suas estruturas, como casca, farelo e gérmen, restando apenas aquele grão branquinho que conhecemos. Infelizmente, junto com estas partes, muitos nutrientes também vão embora, como fibras e vitaminas do complexo B. O bacana deste grão é que ele é muito versátil e combina com diversas preparações, desde o famoso feijão com arroz, até arroz à grega ou mesmo o arroz doce.

  2. ARROZ PARBOILIZADO: Com custo muito similar ao arroz polido, este tipo de arroz passa por um processo de cozimento sob pressão antes do processo de industrialização, o que promove a migração de alguns nutrientes que estavam inicialmente no farelo para o centro do grão. Por isso, além de render mais, o arroz parboilizado apresenta maior quantidade e vitaminas e minerais, sem grandes diferenças no teor de fibras.

  3. ARROZ INTEGRAL: Este arroz é o que está na forma mais próxima do grão original. No processo de industrialização é retirada apenas a casca do grão, mantendo quase todas as estruturas (farelo, endosperma e gérmen). Por isto, este cereal é mais nutritivo que os demais, apresentando maior quantidade de fibras, vitaminas e minerais que outros tipos de arroz. Por ainda possuir o farelo, que é uma fina película, é possível que o cozimento demore um pouco mais, já que a entrada da água no grão é dificultada.

  4. ARROZ SELVAGEM: Por ser um tipo de planta aquática, com longas sementes escuras, este cereal não é verdadeiramente um arroz. No entanto, apresenta alto valor nutritivo, com maior quantidade de proteínas, minerais e vitaminas do complexo B quando comparado ao tradicional arroz branco. Por ter um custo mais elevado, é comum ser encontrado nos mercados em um mix com arroz integral. Com sabor semelhante ao da noz, o arroz selvagem é uma ótima opção de acompanhamento para aves e carnes.

  5.  ARROZ ARBÓREO: Bastante comum na culinária italiana e principalmente no preparo de risotos, este grão se caracteriza por ser grosso, mais arredondado e apresentar coloração branca. Com alta capacidade de absorver água, o arroz arbóreo apresenta uma consistência cremosa sem que os grãos se desintegrem. Com relação ao valor nutricional, se assemelha muito ao arroz polido

     

     

     

     

     

     

     

     

     

Please reload

Destaques

Equilíbrio

19/09/2020

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Blog