Cinco dicas para o consumo de Isotônicos


Preservar a hidratação é o objetivo mais importante durante o exercício. Em atividades com duração de menos de 60 minutos, a água pura é a bebida mais indicada para o consumo, além de ser econômica e prática.


1 - Consumir bebidas isotônicas com carboidratos sem realizar exercícios prolongados pode levar ao ganho de peso.

2 - O sódio presente nas bebidas pode ajudar a evitar a hiponatremia (baixa de sódio no organismo), mas ocorre depois da prática de atividade física por mais de quatro horas. A suplementação excessiva de sódio durante o exercício, no entanto, pode levar a problemas gastrointestinais ou causar prejuízos de equilíbrio de fluídos como cãibras induzidas por excesso de sódio.

3 - O potássio é essencial na contração muscular, sendo que a hipotassemia (baixa de potássio no organismo) pode levar a cãibra muscular e parada cardíaca.

4 - Antes de consumirem suplementos, praticantes de atividades físicas e atletas profissionais devem procurar um profissional de saúde (médico ou nutricionista) para saber a real necessidade do uso de acordo com o tipo de exercício praticado, tempo de treino, sexo, composição corporal, ou seja, definir um plano individualizado.

5 - Substitutos dos isotônicos, ideais para a hidratação na prática de exercícios leves: água mineral, água de coco, chás gelados e sucos naturais de baixo teor calórico como limonada, suco de maracujá, morango, melão e kiwi.


Destaques
Arquivos

Blog